• O Cristo não pediu muita coisa, não exigiu que as pessoas escalassem o Everest ou fizessem grandes sacrifícios. Ele só pediu que nos amássemos uns aos outros.
    Chico Xavier

  • Rádio Anjo de Luz

  • vende4.com

    vende4
  • Visite Xepa Xopi

    Visite Xepa Xopi
  • Últimos Posts

  • Categorias

  • Pense …

    Pense …

    "Toda vez que as circunstâncias te induzam a ouvir as verdades do Evangelho, não penses que o acaso esteja presidindo a semelhantes eventos. Forças divinas estarão agindo a fim de que te informes quanto ao teu próprio caminho."

    Chico Xavier

  • Visite

    Visite
  • Passe Virtual

    Passe Virtual
  • Gostou ??? Então curta !!!

    Gostou ??? Então curta !!!
  • Tags

    abandono adoção amigo amor Animais arte Bom dia casamento chico xavier Coala criança crianças cão desenho espiritismo estudo espirita frases Fábio Coala Cavalcanti historias historia santos Jesus Marido Meimei mensagem mensagens mentirinhas mentirinhas.com Monstro música natal oração orações orixás pensamentos pense Piadex plantas prece preces Santa Luzia suculentas superação tirinhas Umbanda Agora FU – videos (9)
    Ajuda (5)
    Animações – Desenhos – Vídeos (27)
    Animais Amados – Historias (242)
    Anjos (13)
    Arte (127)
    Arte/ Design – Videos (15)
    Artesanato (66)
    Artesanato – videos (3)
    Bom dia / Boa noite (132)
    Brasil Pátria do Evangelho (2)
    Campanhas (12)
    Cantinho Mistico (174)
    Cantinhos Encantadores (8)
    Coisas de Meninas (54)
    Coisas de Meninos. (31)
    Costura (11)
    Cultura (222)
    Cuti-cuti (19)
    Cuti-cuti Video (32)
    Decoração (8)
    Decoupagem (1)
    Desenhos/ Tirinhas (29)
    Design (112)
    Dicas dia a dia (2)
    Dicas e informações (2)
    Dicas Viagem (4)
    Diversão na web (6)
    Doces (42)
    Downloads (3)
    Erros Errados (12)
    Ervas (5)
    Espiritas – Mensagens (86)
    Esportes (7)
    Estudo do Espiritismo (32)
    Estudo dos Animais (7)
    Eu vi na net (232)
    Evangelho Segundo o Espiritismo (2)
    Filme – Vídeos (14)
    Filmes (79)
    Fotos (132)
    Fotos Antigas (2)
    Fotos engraçadas (21)
    Gifs (16)
    História (165)
    Histórias video (75)
    Idéias a Fazer (10)
    Ilusão de Ótica (3)
    Informações Importantes. (99)
    Inspirações (25)
    Interessantes (3)
    Jardins (9)
    Jogos (11)
    Links (7)
    Livros (29)
    Lugares (113)
    Mensagens (915)
    Mensagens Video (99)
    Musicas (80)
    Musicas – vídeos (18)
    Natureza é bela (138)
    Notícias (171)
    Papel (21)
    Passa tempo (14)
    Pensamentos/Frases (159)
    Pessoas que fazem história (24)
    Photoshop (6)
    Piadas Videos (26)
    Piadex (378)
    Plantas (9)
    Poemas (54)
    PPS (3)
    Preces (121)
    Preces Catolicas (18)
    Preces Espiritas (16)
    Quem me visita ? (17)
    Receitas (67)
    Reciclagem (23)
    Religiosas – Mensagens (278)
    Salgadas (19)
    Saudades (31)
    Sem categoria (12)
    Sem Explicação (25)
    Sobre o vende4 (2)
    Tecnologia (92)
    Videos (741)
    Wallpaper (1)

    WP Cumulus Flash tag cloud by Roy Tanck requires Flash Player 9 or better.

  • Purifique-se

    fontevende4
  • Pense nisso …

    "Chegará o dia em que os homens conhecerão o íntimo dos animais, e nesse dia um crime contra um animal será considerado um crime contra a humanidade." Leonardo da Vinci
  • Amigos

    Amigos
  • Globo

  • Acenda uma vela virtual

    Acenda uma vela
  • Reflexões – Chico Xavier

    "Para obter algo que você nunca teve, precisa fazer algo que nunca fez"

    "Tudo é amor. Até o ódio, o qual julgas ser a antítese do amor, nada mais é senão o próprio amor que adoeceu gravemente"

    "Quem diz que a vida só trás desilusão, é porque nunca fez nada a não ser se iludir"

    "Sonhos não morrem, apenas adormecem na alma da gente"

    "Deus nos concede, a cada dia, uma página de vida nova no livro do tempo. Aquilo que colocamos nela, corre por nossa conta."

    "Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim."

    "A sabedoria superior tolera, a inferior julga; a superior perdoa, a inferior condena. Tem coisas que o coração só fala para quem sabe escutar!"

  • ''Não destrua seus valores comparando-se com outras pessoas. É por sermos diferentes uns dos outros que cada um de nós é especial.''

  • Bons ventos tragam o que é bom e leve o que é de ruim…

    incense
  • Lista de links que visito

  • Mentirinhas

    Mentirinhas
  • Willtirando

    Willtirando
  • SonicDad

    SonicDad
  • Armandinho

    Armandinho
  • Mulher de 30

    Mulher de 30
  • Meta

Archive for the ‘Estudo do Espiritismo’ Category

outubro 26th, 2016

10 Conselhos que Recebemos Antes de Encarnar

10conselhos

 

1. Você receberá um corpo. Poderá amá-lo ou odiá-lo, mas ele será seu todo o tempo.

2. Você aprenderá lições. Você está matriculado numa escola informal de tempo integral chamada Vida. A cada dia, terá oportunidade de aprender lições. Você poderá amá-las ou considerá-las idiotas e irrelevantes.

3. Não há erros, apenas lições. O crescimento é um processo de ensaio e erro, de experimentação. Os experimentos ‘mal sucedidos’ são parte do processo, assim como experimentos que, em última análise, funcionam.

4. Cada lição é repetida até ser aprendida. Ela será apresentada a você sob várias formas. Quando você a tiver aprendido, passará para a próxima.

5. Aprender lições é uma tarefa sem fim. Não há nenhuma parte da vida que não contenha lições. Se você está vivo, há lições a serem aprendidas e ensinadas.

6. ‘Lá’ só será melhor que ‘aqui’ quando o seu ‘lá’ se tornar um ‘aqui’. Você simplesmente terá um outro ‘lá’ que novamente parecerá melhor que ‘aqui’.

7. Os outros são apenas espelhos de você. Você não pode amar ou odiar alguma coisa em outra pessoa, a menos que ela reflita algo que você ame ou deteste em você mesmo.

8. O que você faz da sua vida é problema seu. Você tem todas as ferramentas e recursos de que precisa. O que você faz com eles não é da conta de ninguém. A escolha é sua.

9. As respostas para as questões da vida estão dentro de você. Você só precisa olhar, ouvir e confiar.

10. Você se esquecerá de tudo isso.. e ainda assim, você se lembrará.

 

Autor desconhecido

abril 8th, 2016

Sozinho?

Curta Metragem espírita – Bebidas alcoólicas – Alone? Spiritism Shortfilm

 

sozinho

Ninguém está sozinho! Temos a opção de escolher qual a companhia que queremos ter. A obsessão é típica no caso do uso do álcool, veja como ocorre essa interação.

 

agosto 24th, 2015

O Poder do Pensamento – Somos Energia !!!

poder pensamento energia

 

O maior instrumento de poder de que se tem notícia se encontra dentro de nós: o nosso pensamento.
Como a eletricidade, o pensamento produz resultados de acordo com o uso que se faz dele.
O fato é que estamos continuamente interagindo com o cosmos, emitindo e recebendo vibrações, e assim, criando as experiências que vivemos.
Ao tomar consciência do poder do pensamento, conquistamos a chave para abrir as portas que levam à realização dos nossos desejos mais profundos.
Depois de Einstein e da física quântica, não há como negar que, em essência,

Somos Energia !!!

É essa energia se consubstancia na matéria, transformando-se em corpo, mente, emoção.
pensamentoinfluencia
Se temos bons pensamentos e nos mantemos em sintonia com as correntes vibratórias carregadas de energia positiva, nos tornamos capazes de realizar as ações que nos levarão à felicidade.
Os pensamentos nos fazem sentir emoções variadas. Essas emoções, por sua vez, influenciam a nossa mente, o nosso organismo e a nossa saúde, ajudando a nos manter saudáveis e bem dispostos, quando são positivas, dependendo do cuidado que temos com aquilo que abrigamos em nossas mentes.
Assim, se queremos ter relacionamentos amorosos felizes, o primeiro cuidado a ser adotado é em relação aos nossos pensamentos.
A lei da sintonia, como toda lei espiritual, pode não ser aceita ou compreendida,
mas nem por isso deixa de produzir efeitos.
Assim como a gravidade atrai os corpos para o centro da Terra, os nossos pensamentos têm o poder de atrair para nós aquelas realidades que desejamos viver. É necessário reconhecer as próprias qualidades e a potencialidade que trazemos dentro de nós e que nos torna capazes de crescer, aprender e avançar.
Só é possível dar aquilo que se possui.

Apenas quem é capaz de se amar e de se valorizar pode amar e valorizar o outro.
O caminho para uma boa autoestima está em cultivar bons pensamentos e ter em mente que eles são a nossa companhia mais constante.
Temos a opção de escolher, a cada momento, o que abrigamos em nossas mentes.
Com atenção, esforço e responsabilidade é possível detectar um pensamento menos bom na sua origem, e substituí-lo por outro que irá produzir resultados positivos.
O Universo funciona como um espelho e tudo aquilo que transmitimos, retorna para nós amplificado.

 

Jael K.Coaracy em: O Poder do Pensamento

maio 29th, 2015

Homossexuais e Doação de Sangue – Visão Espírita

Health insurance or love concept

 

 

O Novo Testamento diz que “Deus é Amor”. Para nos elevar espiritualmente, é preciso praticar sempre o bem, cultivando o amor nas terras áridas do nosso interior.

Paulo afirmou com muita propriedade: “Ainda que eu tenha o dom de profetizar e conheça todos os mistérios e toda a ciência, ainda que eu tenha tamanha fé a ponto de transportar montes, se não tiver caridade (amor em ação) nada serei” (1º Co. 13:2).

O Cristo ressaltou que o óbolo da viúva foi ofertado com seu próprio sacrifício, já que sua dádiva foi retirada do seu sustento e lhe faria falta (Lucas 21:4). O Mestre reafirmou que o bem que façamos a outrem deve ser realizado em segredo, isto é, sem ostentação: “Quando derdes esmola, não saiba a vossa mão esquerda o que faz a vossa mão direita (Mateus 6:4). Jesus também considerou que, além de amarmos o Pai, deveríamos amar o nosso próximo, assim como a nós mesmos (Mateus 22:38-39).

A doação de sangue está claramente contida nesses ensinamentos crísticos.

 

 

 

maio 27th, 2015

Interferência Mediúnica

Para esclarecimento de algumas dúvidas comuns de todos os espíritas, vale a leitura. Aprendendo sempre !!

 

InterferenciaMediunica

 

Primeiramente eu recomendo este vídeo: O Médium consciente interfere nas comunicações dos guias de Umbanda? – Feito pelo sacerdote umbandista Géro Maita, dirigente do CEU Esperança e também apresentador do programa Umbanda do Bem na Rádio Toques de Aruanda.

 

A interferência mediúnica existe com toda certeza e é um dos graves problemas dos dias atuais na senda espiritualista, principalmente na Umbanda, visto que essa por sua característica natal dá consultas para pessoas que se encontram em estado de necessidade ou enfraquecidas.O médium como um instrumento falho pode sim interferir na comunicação, e isso nunca será isento, nem sequer nos casos de médiuns totalmente inconscientes. O espírito usa do aparelho mental do médium para passar suas impressões e idéias, logo não há como não se ‘contaminar’ com o pensamento do próprio médium, que mesmo em um transe inconsciente não se silencia. O médium inconsciente distancia seu corpo espiritual do duplo permitindo que o espírito comunicante tenha uma maior liberdade dentro de seu campo de atuação, apenas isso.

Em médiuns iniciantes é comum que isso ocorra e até normal, porém deve-se prestar atenção para que esses iniciantes recebam o amparo necessário e sejam guiados adequadamente recebendo instruções para aprimorar seu nível moral e intelectual acerca da espiritualidade. Não basta apenas ser um transmissor, é preciso ter qualidade na transmissão do pensamento. Para o médium iniciante vale a ressalva dos trabalhos de desenvolvimento mediúnico em sessões fechadas, sem atendimento do público, em muito para se familiarizar com as emanações de seus guias e posteriormente começar a reconhecê-las adequadamente. Além de se harmonizar com a conduta da casa em que está trabalhando e com o tempo começar a discernir o que é pensamento do guia e o que é pensamento do médium. A interferência sempre existirá, porém ela tem que ser o menos danosa possível, por isso mesmo é que não é ético e não se recomenda fazer atendimento espiritual para familiares e amigos, pois podemos estar usando do artifício do transe mediúnico e da boa-fé do guia espiritual para passar recados que gostaríamos de dar.

Além dos desenvolvimentos mediúnicos na prática, também se faz mister o estudo. Ler é fundamental, mas pensar sobre o que leu é mais importante. Não adianta ler todos os livros sendo que na maioria das vezes não se capta a mensagem ou instrução que o livro está passando. Então é importante sempre questionar seu sacerdote ou sacerdotisa acerca de dúvidas e questões que podem parecer básicas. O verdadeiro Babalaô ou Ialorixá, irá te auxiliar sem arrogância, sem orgulho e sem vaidade, pois ele está (ou deveria ao menos) a serviço da Lei Maior e da Justiça Divina. Logo não pode agir de forma destoante do que se espera. Pai e Mãe de Santo que manda muito na vida do filho ou quer aprisioná-los tem sérios problemas espirituais e também de orgulho e vaidade. Cuidado!

Existem cursos das mais diversas formas, explicando desde a Teologia Umbandista até mesmo sobre a manipulação dos elementos, o que conhecemos como Magia! Não importa o que você tem como regra na sua vida espiritualista, estudar é importante, e em cursos, sejam presenciais ou EAD, a cada resposta encontrada uma nova pergunta aparece, abrindo assim um novo campo para pesquisa.

Então, não há como fazer parte de um trabalho mediúnico de aconselhamento ou até mesmo de desobsessão se antes não nos aprimorarmos. Como dito em artigo anterior – Obsessões e suas relações interdependentes – as trevas nunca estão em descanso e ela também se aprimora. Mesmo os médiuns mais antigos devem sempre se manter alertas e seguir sempre o lema: Orai e Vigiai. Não se arrogue como detentor da verdade absoluta e nem se autointitule como o médium firme e poderoso, todos estamos sujeitos às tentações, aprimore-se e em caso de necessidade procure ajuda sempre.

Abrangendo mais esse assunto, toco agora em outro ponto que me preocupa mais, é o caso de médiuns que são dirigentes de casas espirituais e que permitem a interferência. Se isso para um médium iniciante já é preocupante imagine então para um médium que tem o predicado de Sacerdote? Ou Pai e Mãe?

Jamais um zelador ou dirigente deve deixar suas paixões pessoais interferirem na condução do terreiro, o mesmo tem regras e diretrizes, e devem ser cumpridas, porém obstante isso não há qualquer nexo em interferir na vida pessoal do filho de santo ou médium umbandista ou de qualquer outra denominação. A espiritualidade está aí para nos libertar e não para nos arranjar um novo senhor(a).

Sacerdotes que se encontram em desequilíbrio ou que levam para os trabalhos espirituais as mazelas de sua vida pessoal, devem antes de mais nada, serem informados de sua conduta errada. Eles não são infalíveis, é necessária a compreensão dos filhos, mas também é mais importante ainda a abertura do pai e mãe de santo as críticas que os filhos fazem. A espiritualidade tem sua própria agenda, sabemos que é algo sério e que assim deve ser levado, mas todos os médiuns são antes de mais nada seres humanos, cheios de imperfeição e procurando esclarecimento. Além disso, temos nossos próprios desassossegos com a vida pessoal, com o trabalho material, com o trânsito e com estudos profissionais.

Então caro sacerdote, não se faça de rogado, quando um filho chegar com uma sugestão ou até mesmo reclamação. As giras sem hora pra começar e acabar, as inúmeras interferências na própria mediunidade a fim de conduzir ou controlar a vida do médium, a cobrança de forma desnecessária, a retórica desmedida, falação exagerada e a falta de indulgência, são erros comuns cometidos por pessoas que tem a alcunha de dirigentes.

Ainda mais quando há predileção dentro do terreiro, então aí, tudo se complica mais. Como pessoas, simpatizamos melhor com esse ou aquele sujeito, porém como sacerdotes e dirigentes temos que entender que todos são iguais perante a Lei de Pemba. Então se um filho comete gafes, está em estado anímico ou até mesmo mistificando, está exagerando, está conduzindo sua mediunidade mais para a manifestação teatral dos fenômenos do que para a evolução moral e intelectual do ser, a sua obrigação dirigente é conduzi-lo de volta aos trilhos, mesmo que seja necessário utilizar-se do expediente do puxão de orelhas. Coíba os exageros e os seus próprios exageros pessoais. Se deixarmos a manifestação correr solta, os espíritos guias não mais conseguirão se aproximar de nossos campos mediúnicos, logo abriremos a porta para uma obsessão coletiva. E principalmente, mantenha seu alerta ligado, pois o dirigente é o alvo, ao mesmo tempo, o modelo que todos os demais irão seguir.

As evasões do terreiro ocorrem muito por falta de conduta adequada dos dirigentes. Muitos médiuns sérios e comprometidos com o trabalho de assistência e aprimoramento íntimo acabam por se afastar de locais onde se veem manifestações estapafúrdias e alguns querendo aparecer mais que o outro, ou quando o dirigente começa a ditar regras que ele mesmo não cumpre.

Então esse artigo é um alerta para todos que trilham a senda da mediunidade, seja você iniciante, experiente ou dirigente. Então vamos juntos, eu, você e todos que amam a espiritualidade, procurar se focar mais no aprimoramento. Deixando velhos dogmas no passado sem perder a beleza e a forma de praticar a Umbanda e os demais cultos espiritualistas.

Axé e Saravá!

Link

maio 22nd, 2015

Obá – 22 de Maio

oba

 

Obá, orixá do Rio Obá ou rio Níger, primeira esposa de Xangô, identificada no jogo de búzios pelo odú obeogundá.

Obá representa as águas revoltas dos rios. As pororocas, as águas fortes, o lugar das quedas são considerados domínios de Obá. Ela também controla o barro, aguá parada, lama, lodo e as enchentes. Trabalha junto com Nanã.

Representa também o aspecto masculino das mulheres (fisicamente) e a transformação dos alimentos de crus em cozidos. É também a dona da roda. Orixá, embora feminina, energética, temida, e forte, considerada mais forte que muitos orixás masculinos, vencendo na luta Oxalá, Iansã, Oxumarê, e Exú.

A lenda de Obá
Obá foi a primeira mulher de Xangô. Ao contrário do que muitos pensam, a lenda de que Obá cortou a orelha por causa da mentira de Oxum está incorreta na verdade, Obá apenas cortou sua orelha para provar seu amor a Xangô. Quando manifestada, esconde o defeito com a mão. Seus símbolos são espada, escudo, ofá e erukere.

Segundo suas lendas, Obá lutou contra inúmeros orixás, derrotando vários deles. Obá teria derrotado Exú, Oxumarê, Omolú e Orunmilá, e tornou-se temida por todos os deuses, tendo sido derrotada apenas por Ogum e tornando assim sua esposa e ao lado deste quando este foi enfrentar Xangô em batalha ela se encantou por Xangô e abandonou a luta ao lado de Ogum e se entregou a Xangô como mulher vivendo uma grande paixão.

Obá nunca havia visto alguém como Xangô, ela via nele tudo o que sonhava para si.

Existem algumas versões do grande encontro de Xangô e de Obá, em uma dessas versões ela é a líder de todas as mulheres e a rainha de Elekô, mas em todas, as evidências dizem que o amor entre os dois era desmedido e que nada ofuscava a relação dos dois, da união dos dois nasceu Opará, orixá confundida em alguns terreiros com a própria Oxum.

O lado esquerdo (Osì) sempre esteve relacionado à mulher e, por uma razão muito elementar, é o lado do coração. Quando Obá é saudada como guardiã da esquerda, isso quer dizer que é a guardiã de todas as mulheres, aquela que compreende os sentimentos do coração, pois Obá pensa com o coração, por isso dança sempre com a mão esquerda apontando para o lado esquerdo na altura da orelha.

Dia da semana: Quarta-feira
Cores: Marron raiado, Vermelho e Amarelo
Símbolos: Ofange (espada) e Escudo de Cobre, Ofá (arco e flecha)
Elementos: fogo e águas revoltas, pororocas
Domínios: Amor e Sucesso Profissional
Saudação: Obà Siré!
Fio de Contas (Guia): Marrom, vermelho ou amarelo
Ervas: Louro, Mãe-boa, Manjericão roxo
Pontos da Natureza: Águas revoltas
Flores: Gerânio, flor de Romã
Pedras: Quartzo
Metal: Cobre
Bebida: Champanhe
Comidas: Inhame
Data Comemorativa: 22 de maio
Sincretismo: Santa Rita de Cássia
Incompatibilidades (Quizilas): Abóbora e rato

Características dos filhos de Obá
Os filhos de Obá não tem muito jeito para se comunicar com as pessoas, chegam a ser duros e inflexíveis. Têm dificuldade em ser gentis e estabelecer um canal de comunicação afetiva com os outros; às vezes são brutos e rudes afastando as pessoas. Isso deve-se ao fato de os filhos de Obá, na maioria das vezes, sofrerem um certo complexo de inferioridade achando que as pessoas que se aproximam querem tirar partido de alguma coisa. De facto, isso tende a acontecer com os filhos de Obá.

A sua sinceridade chega a ferir; expressam as suas opiniões, fazem críticas e acabam por magoar as pessoas, pois não se preocupam em ser agradáveis. Mas essa agressividade é puramente defensiva.

São bons companheiros e amigos fiéis, são ciumentos e possessivos no amor, por isso não têm muita sorte. Quando apaixonados, nunca são senhores da relação, cedem em tudo, abdicam de todas as suas convicções.

Algumas vezes infelizes no amor, investem todas as suas cartas nas suas carreiras e, de entre as mulheres que se destacam profissionalmente numa sociedade machista, podem-se encontrar muitas filhas de Obá excelentes juizas, advogadas, comandando quartéis, etc. Muitas vezes despertam a inveja dos seus inimigos e podem sofrer algumas emboscadas, por isso devem vencer a tendência que possuem para a ingenuidade.

Link

 

obaoracao

maio 16th, 2015

Por Que Esta Revolução Toda na Terra …

Afastamentohierarquiaterra

 

Afastamento da hierarquia na TERRA

Amados filhos da Luz, já foi colocado a vários meses que chegaria um momento no qual parte dos comandantes e mestres teriam que se afastar da irradiação astral do vosso planeta, pois chegaria o momento da escolha interna e da separação dos filhos do coração em relação aos filhos do interesse. Esse momento chegou já no inicio de 2009.

Sempre foi esclarecido que existem pessoas que trabalham por amor ao plano maior da espiritualidade, já outros trabalham apenas pelo interesse do poder que se adquire dentro dessa senda. A hierarquia espiritual maior se afastou de muitas pessoas justamente para permitir que as sombras se apoderassem daqueles que não tinham o suficiente amor dentro de si e que estavam “em cima do muro” como vocês dizem.

Esse processo é necessário para alterar muitas situações energéticas que não mais fazem parte da estrutura energética direcionada pelos templos de Agartha, Shamballa, Templo dos 144 Raios, Telus, Erks, e muitos outros que aos poucos tem se revelado. Uma ativação foi autorizada a partir de maio de 2009 para poder efetivar uma separação definitiva entre a psique dos filhos da LUZ e daqueles que acreditavam estar na LUZ, mas são manipulados pelas forças das sombras.

Os grupos rebeldes que usam vocês tem se apresentado como mestres e comandantes já a mais de 3 anos, sendo que muitas de suas atividades realmente foram de proporcionar cura, bem estar, porem o preço foi um contrato indeterminado por parte dos filhos que não acreditaram em sua força interior. Ou seja, esses filhos abriram mão de seu poder divino para que outros usassem sua vitalidade e ectoplasma para realizar as tarefas que cabiam a eles na realidade terrestre.

Parte do comando estelar da federação local e dos comandos maiores da Confederação se afastaram para observar a reação das pessoas contatadas e de como elas desenvolvem as novas etapas psíquicas e emocionais dentro do jogo de poder que estavam desenvolvendo na espiritualidade.

O processo é muito importante para definir quem é quem dentro da senda da LUZ e das mudanças que isso acarretara para cada ser nos próximos meses. O chamado foi feito, porem poucos ouviram, pois estão perturbados com seus problemas internos. É esse momento no qual podemos definir com quem podemos realmente contar nos momentos críticos que será necessário a presença da energia das hostes maiores, que ainda não se apresentaram em vossa realidade.

A nova irradiação da hierarquia já esta presente e ancorada na realidade Terrestre com a chegada da ordem GORONANDECK que ira ajudar a gerenciar os novos processos de expurgo e liberação do Umbral e das realidades paralelas do vosso planeta.

Já sabemos que muitas pessoas irão agora querer saber e procurar o contato com o representante dessa hierarquia, isso era previsível, mas não será possível, pois somente um ser terá esse acesso e coordenará as atividades planetárias com sua equipe nos planos da espiritualidade junto aos demais comandantes e almirantes em atividade na TERRA e nas realidades paralelas.

Amados filhos a energia dessa egregora é de serenidade e completa emanação das novas atividades da Supra Confederação. A partir do festival de Wesak essa energia será inserida definitivamente na fisicalidade e poderá ser sentida pelas pessoas ressonantes com a Monada desse ser. A ordem Goronandeck é uma organização que controla e administra as funções da Ordem Voronandeck, portanto foi Criada a partir dessa energia e representa energias de supra monadas na magnitude acima de 26D. que estão atuando desde a irradiação da energia Voronandeck na Nave ADOM NOM 5 e das equivalentes, agora a irradiação passa a ser física para poder sustentar as mudanças climáticas e energéticas das negociações entre as polaridades.

Os portais do Umbral já estão abertos e a Ordem Goronandeck é a responsável pelo processo de seleção e acordos para liberação das almas e seres para as novas realidades interdimensionais que já estão disponíveis. Não se trata de um ser guerreiro como ate o momento estava na coordenação do almirantado, mas sim um solucionador de problemas e negociador da paz entre todas as partes envolvidas.

Chegou o momento da paz que tanto se esperava, essa paz será conquistada a partir do coração de cada pessoa que deseje se juntar a nova irradiação. As pessoas que são complementos dessa energia devem se unir rápido, para poderem ter a sustentação necessária e ajudar no processo de acoplamento de milhões de partículas paralelas e mondas que serão necessárias para as etapas ate 2012.

As pessoas que estão lendo este material sabem dentro do seu coração que a nova etapa chegou e que o tempo se esgotou, a união e a busca da resolução das diferenças juntos a seus complementos para poderem fortalecer o projeto. Isso é a programação, para que a nova egregora esteja fortalecida e direcionada para a nova programação de linhagem de energias que os reinos internos da TERRA tem que ativar dentro de cada uma dessas pessoas, que só poderão sustentar a energia unidos a seus complementos de alma e de monada. Sozinhos ficarão perdidos e sem rumo, novamente presos a uma roda de tempo de 26 mil anos do ciclo terrestre.

Por esse motivo a hierarquia pessoal de cada uma dessas pessoas esta procurando despertar seus filhos e encaminhá-las através de todos os meios para que enxerguem o obvio e deixem que o plano se cumpra dentro de seus corações.

As forças rebeldes estão aproveitando o ensejo das almas perdidas para confundi-los mais e através do egocentrismo espiritual, criar mais confusão e distorcer o que realmente cada pessoa necessita realizar dentro de si. Foi realizado um grande conselho planetário e muitos acordos concretizados de liberação de portais e bases Umbralinas para novos mundos onde a evolução ocorrerá conforme a nova programação e necessidades de cada grupo. Isso representou um grande passo nas negociações de liberação da humanidade. Essa reunião já foi o marco da atuação da ordem Goronandeck e da Supra Confederação, que coordena as atividades da Confederação.

O processo que se segue é determinado pelos grupos da espiritualidade e pela energia de cada pessoa dentro de seu coração. Solicitamos a energia de paz para todos e que deixem que esse sentimento proteja vocês das oscilações energéticas da humanidade presa ainda aos hologramas do poder do ego mundano.

Pedimos que os filhos da LUZ de cada pessoa se apresente para unir esforços para as novas etapas e para consolidar os projetos que estão programados para cada pessoa na caminhada que ainda existe pela frente. A LUZ é a força interna de vocês e ela tem que ser agora mais do que nunca externada, para que siga a união com a LUZ complementar necessárias para sustentar o plano individual e conjunto das monadas ligadas as hierarquias da espiritualidade e da Ordem Melchizedeck e Goronandeck, pois essa fusão é necessária para a sustentação dos ciclos internos da TERRA e de vocês.

Fiquem na paz de vossos corações,

Eu sou VOSSA LUZ,
SHTAREER & GORONANDECK
Por Rodrigo Romo / Yaslon Yas , Shtareer
LUZ volte para dentro de cada ser que seja merecedor de você.

Solange Christtine Ventura
www.curaeascensao.com.br

maio 13th, 2015

O que é Umbral ???

 

umbral

 

Definição de UMBRAL no Novo Aurélio (Dicionário da Língua Portuguesa):
A palavra foi tomada do espanhol e significa soleira, limiar, entrada, ou seja, a faixa mínima de piso que se acha entre as laterais de uma porta, portão ou passagem, e serve de limite entre um cômodo e outro numa construção.

Do ponto de vista espiritual, o UMBRAL é uma região do astral inferior, uma zona obscura onde habitam espíritos desencarnados endividados, perturbados, desequilibrados e revoltados de toda espécie. Equivale ao inferno e ao purgatório dos católicos. Portanto, o termo é usado para designar regiões espirituais fronteiriças ao nosso mundo físico.

Após a morte física partimos para outros planos, que irão variar de acordo com o próprio grau de sutilização, de consciência e vibração energética. Segundo a Lei da Afinidade (uma das leis universais), os espíritos se atraem e se agrupam em faixas de freqüência vibratória de acordo com as similaridades de desejos, pensamentos e sentimentos. Isso, aliás, ocorre tanto no mundo espiritual quanto no mundo terreno. Pessoas que são dependentes e apegadas às coisas deste mundo, após a morte física, acabam permanecendo em planos bem próximos a este, de onde inclusive terão maiores possibilidades para tentar satisfazer os vícios e necessidades que ainda conservam em si como reminiscências de seus tempos de encarnadas.

Por conta disso, no UMBRAL há regiões onde os espíritos se agrupam por afinidade, formando regiões vibratórias específicas, como o Vale dos suicidas, dos drogados, dos que sofrem de distúrbios psíquicos, de desequilíbrios sexuais, etc. Tal qual numa prisão, onde você não pode escolher seus companheiros de cela.

No entanto, apesar de toda perturbação e desequilíbrio dos habitantes das trevas, há disciplina, organização e hierarquia no UMBRAL cujas lideranças são constituídas de seres inteligentes que arquitetam muito bem seus métodos visando atingir seus propósitos – prejudicar seus semelhantes encarnados e/ou desencarnados. Aí acabarão por embarcar num nocivo círculo vicioso de roubo de energia e “usufruto” desta energia roubada, ou seja, satisfação ou pseudo-satisfação dos densos objetivos que as mantêm nestes planos. Assim, o vício de um daqueles infelizes poderá ser o tormento do outro, cujo comportamento, por sua vez, fará a desgraça daquele um, ou de um terceiro, numa roda viva a la Jean Paul Sartre, onde “o inferno são os outros”.

UMBRAL é isto. É necessário para o bem do próprio espírito desencarnado, para que o mesmo possa esgotar o seu emocional e se libertar de energias tóxicas e, quando for resgatado das trevas e encaminhado ao Astral Superior, não venha a desequilibrar o seu ambiente saudável. É importante ressaltar que o UMBRAL é mais uma região para tratamento do que um local de punição ou banimento, onde os espíritos profundamente desequilibrados encontram um meio para suas aprendizagens e curas. É uma questão muito mais de sintonia do que de culpa, castigo, punição, etc.

Quanto aos aspectos espiritualistas e filosóficos que nos ensinam as formas de escapar dele, ou de elevar a sintonia para criar afinidades com planos mais elevados, para isto temos brilhantes terapeutas, oradores e escritores, com suas centenas de páginas, tratamentos, parábolas e palestras. Acredito também que cada um por aqui saiba, pelo menos intuitivamente, o que deve e não deve fazer para permanecer longe dele.

Sejamos felizes!

 

Link

abril 4th, 2015

A Profecia de Chico Xavier para 2019 – Para ler, reler, refletir, meditar….

profeciachicoxavier

 

Postado por Edson Luiz Pocahi em 2 novembro 2013 às 15:43

Revelações apontam que o futuro da Terra está nas mãos do homem

Chamada de capa do jornal Folha Espírita, ano XXXV, nº 439, edição de maio de 2011
Marlene Nobre

Em razão da gra­vi­dade do assunto, trazemos aos leitores da Folha Es­pí­rita a re­ve­lação feita pelo mais im­por­tante mé­dium da his­tória hu­mana, Fran­cisco Cân­dido Xa­vier, a Ge­raldo Lemos Neto, fun­dador da Casa de Chico Xa­vier, de Pedro Le­o­poldo (MG), e da Vinha de Luz Edi­tora, de Belo Ho­ri­zonte (MG), em 1986, sobre o fu­turo que está re­ser­vado ao pla­neta Terra e a todos os seus ha­bi­tantes nos pró­ximos anos.

“Há muito tempo car­rego este fardo co­migo e sempre me pre­o­cupei no sen­tido de que Chico Xa­vier não me fa­laria tudo o que re­lato nesta edição da Folha Es­pí­rita à toa, senão com uma fi­na­li­dade es­pe­cí­fica. Na oca­sião da con­versa que des­crevo nas pá­ginas se­guintes, senti que minha mente es­tava re­ce­bendo um tra­ta­mento mnemô­nico di­fe­rente para que não vi­esse a es­quecer aquelas pa­la­vras pro­fé­ticas, e que, em mo­mento opor­tuno do fu­turo, eu seria cha­mado a tes­te­munhá-las.

Estou aqui na con­dição de um car­teiro, ou me­lhor di­zendo, de um men­sa­geiro de um car­tório de notas a quem fosse con­fiada a ta­refa de en­tregar de­ter­mi­nada no­ti­fi­cação por ordem de uma au­to­ri­dade su­pe­rior. Cons­ci­ente da im­por­tância do que me foi con­fiado às mãos, en­trego-o hoje em sua com­ple­tude aos nossos ir­mãos em hu­ma­ni­dade, na cer­teza de que estou cum­prindo um dever e nada mais. O seu con­teúdo não foi la­vrado por mim e sim pelo maior mé­dium que a hu­ma­ni­dade co­nheceu desde os tempos do Cristo, que é Chico Xa­vier. Guardo a cer­teza de que o mé­dium, por sua vez, o re­ce­berá por parte da Grande Co­mu­ni­dade dos Pra­ti­cantes do Evan­gelho de Jesus no Mais Além.” (Pá­ginas 4 e 5 da edição de maio da re­vista Folha Es­pí­rita)

Ano-limite do mundo velho

Matéria de Marlene Nobre publicado no jornal Folha Espírita, ano XXXV, nº 439, edição de maio de 2011
Marlene Nobre

O tema da trans­for­mação da Terra de mundo de ex­pi­ação e provas para mundo de re­ge­ne­ração, le­van­tado pelo pró­prio co­di­fi­cador da Dou­trina Es­pí­rita, Allan Kardec, sempre in­te­ressou e in­trigou Ge­raldo Lemos Neto, fun­dador da Casa de Chico Xa­vier, de Pedro Le­o­poldo (MG).

Com 19 anos de idade, já tendo lido e es­tu­dado toda a obra de Kardec, co­nheceu o mé­dium Chico Xa­vier, amigo da fa­mília desde os tempos de sua me­ni­nice em Pedro Le­o­poldo. “Na­quela época, como já havia ou­vido inú­meros casos re­la­tivos à sua me­diu­ni­dade e ca­ri­dade para com o pró­ximo, tinha muita von­tade de co­nhecê-lo e ouvi-lo pes­so­al­mente, o que de fato ocorreu em ou­tubro de 1981, em São Paulo”, lembra Lemos Neto. A partir da­quele pri­meiro en­contro, uma grande afi­ni­dade os ligou, con­forme conta, o que fez com que o também fun­dador da Edi­tora Vinha de Luz o vi­si­tasse re­gu­lar­mente em Ube­raba (MG), acom­pa­nhado de fa­mi­li­ares.

Em 1984 Lemos Neto casou-se com Eliana, irmã de Vi­valdo da Cunha Borges, que mo­rava com Chico Xa­vier desde 1968 e di­a­gra­mava todos os seus li­vros. A partir de então, passou a des­frutar de uma in­ti­mi­dade maior com Chico em Ube­raba, vi­si­tando-o com mais frequência e hos­pe­dando-se em sua re­si­dência. “Posso dizer que essa época foi para meu co­ração um ver­da­deiro te­souro dos céus. Re­cordo-me até hoje da­queles anos de con­vi­vência amo­rosa e ins­tru­tiva na com­pa­nhia do sábio mé­dium e amigo com pro­funda gra­tidão a Deus, que me per­mitiu se­me­lhante con­cessão por acrés­cimo de Sua Mi­se­ri­córdia In­fi­nita. Assim, tive a fe­li­ci­dade de con­viver na in­ti­mi­dade com Chico Xa­vier, di­a­lo­gando com ele vezes sem conta, ma­dru­gada a dentro, sobre va­ri­ados as­suntos de nossos in­te­resses co­muns, no­ta­da­mente sobre es­cla­re­ci­mentos pal­pi­tantes acerca da Dou­trina dos Es­pí­ritos e do Evan­gelho de Jesus”, re­corda.

Um desses temas, como lembra Lemos Neto, foi em re­lação ao Apo­ca­lipse, do Novo Tes­ta­mento. “Sempre me as­som­brei com o tema, re­la­tando a Chico Xa­vier minha di­fi­cul­dade de en­tender o livro sa­grado es­crito pela me­diu­ni­dade de João Evan­ge­lista. Desde então, em nossos co­ló­quios, Chico Xa­vier tinha sempre uma ou outra pa­lavra es­cla­re­ce­dora sobre o as­sunto, pon­tu­ando esse ou aquele ver­sí­culo e fa­zendo-me com­pre­ender, aos poucos, o mo­mento de tran­sição pelo qual passa o nosso orbe pla­ne­tário, a ca­minho da re­ge­ne­ração”, afirma. Foi em uma dessas con­versas ha­bi­tuais, lem­brando o livro de sua psi­co­grafia, Brasil, Co­ração do Mundo, Pá­tria do Evan­gelho, es­crito pelo es­pí­rito Hum­berto de Campos, que Lemos Neto ex­ternou ao mé­dium sua dú­vida quanto ao tí­tulo do livro, uma vez que ainda na­quela oca­sião, em me­ados da dé­cada de 80, o Brasil vivia às voltas com a hi­pe­rin­flação, a mi­séria, a fome, as grandes dis­pa­ri­dades so­ciais, o des­con­trole po­lí­tico e econô­mico, sem falar nos es­cân­dalos de cor­rupção e no atraso cul­tural.

“Lembro-me, como hoje, a ex­pressão sur­presa do Chico me res­pon­dendo: ‘Ora, Ge­ral­dinho, você está que­rendo pri­vi­lé­gios para a Pá­tria do Evan­gelho, quando o fun­dador do Evan­gelho, que é Nosso Se­nhor Jesus Cristo, viveu na po­breza, cer­cado de do­entes e ne­ces­si­tados de toda ordem, ex­pe­ri­mentou toda a sorte de vi­cis­si­tudes e per­se­gui­ções para ser su­pli­ciado quase aban­do­nado pelos seus amigos mais pró­ximos e morrer cru­ci­fi­cado entre dois la­drões? Não nos es­que­çamos de que o fun­dador do Evan­gelho atra­vessou toda sorte de pro­va­ções, pa­deceu o mar­tírio da cruz, mas de­pois ele largou a cruz e res­sus­citou para a Vida Imortal! Isso deve servir de ro­teiro para a Pá­tria do Evan­gelho. Um dia ha­ve­remos de res­sus­citar das cinzas de nosso pró­prio sa­cri­fício para de­mons­trar ao mundo in­teiro a imor­ta­li­dade glo­riosa!’”, es­cla­receu.

Sobre essas e ou­tras re­ve­la­ções feitas a ele por Chico Xa­vier sobre fatos re­la­ci­o­nados ao ano em que se dará a grande trans­for­mação do nosso pla­neta, Lemos Neto fala mais abaixo:

Folha Es­pí­rita – No livro A Ca­minho da Luz, nosso ben­feitor Em­ma­nuel já havia pre­visto que no sé­culo XX ha­veria mais uma reu­nião dos Es­pí­ritos Puros e Eleitos do Se­nhor, a fim de de­ci­direm quanto aos des­tinos da Terra. A reu­nião acon­teceu e a ela com­pa­re­ceram Chico e Em­ma­nuel – os mis­si­o­ná­rios que tra­ba­lham ab­ne­ga­da­mente, por sé­culos a fio, em favor da re­no­vação hu­mana.

Quais os re­sul­tados dessa reu­nião?

Ge­raldo Lemos Neto – Na sequência da nossa con­versa, per­guntei ao Chico o que ele queria exa­ta­mente dizer a res­peito do sa­cri­fício do Brasil. Es­taria ele a prever o fu­turo de nossa nação e do mundo? Chico pensou um pouco, como se es­ti­vesse vis­lum­brando cenas dis­tantes e, de­pois de algum tempo, re­tornou para dizer-nos: “Você se lembra, Ge­ral­dinho, do livro de Em­ma­nuel, A Ca­minho da Luz? Nas pá­ginas fi­nais da nar­ra­tiva de nosso ben­feitor, no ca­pí­tulo XXIV, cujo tí­tulo é O Es­pi­ri­tismo e as Grandes Tran­si­ções? Nele, Em­ma­nuel afir­mara que os es­pí­ritos ab­ne­gados e es­cla­re­cidos fa­lavam de uma nova reu­nião da co­mu­ni­dade das po­tên­cias an­gé­licas do Sis­tema Solar, da qual é Jesus um dos mem­bros di­vinos, e que a so­ci­e­dade ce­leste se reu­niria pela ter­ceira vez na at­mos­fera ter­restre, desde que o Cristo re­cebeu a sa­grada missão de re­dimir a nossa hu­ma­ni­dade, para, enfim, de­cidir no­va­mente sobre os des­tinos do nosso mundo.

Pois então, Em­ma­nuel es­creveu isso nos idos de 1938 e estou in­for­mado que essa reu­nião de fato já ocorreu. Ela se deu quando o homem fi­nal­mente in­gressou na co­mu­ni­dade pla­ne­tária, dei­xando o solo do mundo ter­restre para pisar pela pri­meira vez o solo lunar. O homem, por seu pró­prio es­forço, con­quistou o di­reito e a pos­si­bi­li­dade de vi­ajar até a Lua, fato que se ma­te­ri­a­lizou em 20 de julho de 1969. Na­quela oca­sião, o Go­ver­nador Es­pi­ri­tual da Terra, que é Nosso Se­nhor Jesus Cristo, ou­vindo o apelo de ou­tros seres an­ge­li­cais de nosso Sis­tema Solar, con­vo­cara uma reu­nião des­ti­nada a de­li­berar sobre o fu­turo de nosso pla­neta. O que posso lhe dizer, Ge­ral­dinho, é que de­pois de muitos diá­logos e de­bates entre eles foram dadas di­versas su­ges­tões e, ao final do ce­leste con­clave, a bon­dade de Jesus de­cidiu con­ceder uma úl­tima chance à co­mu­ni­dade ter­rá­quea, uma úl­tima mo­ra­tória para a atual ci­vi­li­zação no pla­neta Terra. Todas as in­jun­ções cár­micas pre­vistas para acon­te­cerem ao final do sé­culo XX foram então sus­pensas, pela Mi­se­ri­córdia dos Céus, para que o nosso mundo ti­vesse uma úl­tima chance de pro­gresso moral.
O cu­rioso é que nós vamos re­co­nhecer nos Evan­ge­lhos e no Apo­ca­lipse exa­ta­mente este pe­ríodo atual, em que es­tamos vi­vendo, como a un­dé­cima hora ou a hora der­ra­deira, ou mesmo a cha­mada úl­tima hora.”

FE – Como você re­agiu di­ante da des­crição do que acon­te­cera nessa reu­nião nas Altas Es­feras?

Ge­ral­dinho – Ex­tre­ma­mente cu­rioso com o de­sen­rolar do re­lato de Chico Xa­vier, per­guntei-lhe sobre qual fora então as de­li­be­ra­ções de Jesus, e ele me res­pondeu: “Nosso Se­nhor de­li­berou con­ceder uma mo­ra­tória de 50 anos à so­ci­e­dade ter­rena, a ini­ciar-se em 20 de julho de 1969, e, por­tanto, a findar-se em julho de 2019. Or­denou Jesus, então, que seus emis­sá­rios ce­lestes se em­pe­nhassem mais di­re­ta­mente na ma­nu­tenção da paz entre os povos e as na­ções ter­res­tres, com a fi­na­li­dade de co­la­borar para que nós in­gres­sás­semos mais ra­pi­da­mente na co­mu­ni­dade pla­ne­tária do Sis­tema Solar, como um mundo mais re­ge­ne­rado, ao final desse pe­ríodo. Al­gumas po­tên­cias an­gé­licas de ou­tros orbes de nosso Sis­tema Solar re­ce­aram a di­lação do prazo extra, e foi então que Jesus, em sua sa­be­doria, re­solveu es­ta­be­lecer uma con­dição para os ho­mens e as na­ções da van­guarda ter­restre. Se­gundo a im­po­sição do Cristo, as na­ções mais de­sen­vol­vidas e res­pon­sá­veis da Terra de­ve­riam aprender a se su­por­tarem umas às ou­tras, res­pei­tando as di­fe­renças entre si, abs­tendo-se de se lan­çarem a uma guerra de ex­ter­mínio nu­clear. A face da Terra de­veria evitar a todo custo a cha­mada III Guerra Mun­dial. Se­gundo a de­li­be­ração do Cristo, se e so­mente se as na­ções ter­renas, du­rante este pe­ríodo de 50 anos, apren­dessem a arte do bom con­vívio e da fra­ter­ni­dade, evi­tando uma guerra de des­truição nu­clear, o mundo ter­restre es­taria enfim ad­mi­tido na co­mu­ni­dade pla­ne­tária do Sis­tema Solar como um mundo em re­ge­ne­ração. Ne­nhum de nós pode prever, Ge­ral­dinho, os avanços que se darão a partir dessa data de julho de 2019, se apenas sou­bermos de­fender a paz entre nossas na­ções mais de­sen­vol­vidas e cultas!”
FE – Quais são os acon­te­ci­mentos que po­demos prever com essas re­ve­la­ções para a Terra?

Ge­ral­dinho – Per­guntei, então, ao Chico a que avanços ele se re­feria e ele me res­pondeu: “Nós al­can­ça­remos a so­lução para todos os pro­blemas de ordem so­cial, como a so­lução para a po­breza e a fome que es­tarão ex­tintas; te­remos a des­co­berta da cura de todas as do­enças do corpo fí­sico pela ma­ni­pu­lação ge­né­tica nos avanços da Me­di­cina; o homem ter­restre terá amplo e total acesso à in­for­mação e à cul­tura, que se fará mais ge­ne­ra­li­zada; também os nossos ir­mãos de ou­tros pla­netas mais evo­luídos terão a per­missão ex­pressa de Jesus para se nos apre­sen­tarem aber­ta­mente, co­la­bo­rando co­nosco e ofe­re­cendo-nos tec­no­lo­gias novas, até então ini­ma­gi­ná­veis ao nosso atual es­tágio de de­sen­vol­vi­mento ci­en­tí­fico; ha­ve­remos de fa­bricar apa­re­lhos que nos fa­ci­li­tarão o con­tato com as es­feras de­sen­car­nadas, pos­si­bi­li­tando a nossa sau­dosa con­versa com os entes que­ridos que já par­tiram para o além-tú­mulo; enfim es­ta­ríamos di­ante de um mundo novo, uma nova Terra, uma glo­riosa fase de es­pi­ri­tu­a­li­zação e be­leza para os des­tinos de nosso pla­neta.”

Foi então que, fa­zendo as vezes de ad­vo­gado do diabo, per­guntei a ele: Chico, até agora você tem me fa­lado apenas da me­lhor hi­pó­tese, que é esta em que a hu­ma­ni­dade ter­restre per­ma­ne­ceria em paz até o fim da­quele pe­ríodo de 50 anos. Mas, e se acon­tecer o caso das na­ções ter­res­tres se lan­çarem a uma guerra nu­clear? “Ah! Ge­ral­dinho, caso a hu­ma­ni­dade en­car­nada de­cida se­guir o in­feliz ca­minho da III Guerra mun­dial, uma guerra nu­clear de con­sequên­cias im­pre­vi­sí­veis e de­sas­trosas, aí então a pró­pria mãe Terra, sob os aus­pí­cios da Vida Maior, re­a­girá com vi­o­lência im­pre­vista pelos nossos ho­mens de ci­ência. O homem co­me­çaria a III Guerra, mas quem iria ter­miná-la se­riam as forças te­lú­ricas da na­tu­reza, da pró­pria Terra can­sada dos des­mandos hu­manos, e se­ríamos de­fron­tados então com ter­re­motos gi­gan­tescos; ma­re­motos e ondas (tsu­namis) con­se­quentes; ve­ríamos a ex­plosão de vul­cões há muito ex­tintos; en­fren­ta­ríamos de­gelos ar­ra­sa­dores que avas­sa­la­riam os polos do globo com trá­gicos re­sul­tados para as zonas cos­teiras, de­vido à ele­vação dos mares; e, neste caso, as cinzas vul­câ­nicas as­so­ci­adas às ir­ra­di­a­ções nu­cle­ares ne­fastas aca­ba­riam por tornar to­tal­mente ina­bi­tável todo o He­mis­fério Norte de nosso globo ter­restre.”
O que aconteceria especificamente com o Brasil?

Em certa oca­sião, Ge­raldo Lemos Neto, fun­dador da Casa de Chico Xa­vier, de Pedro Le­o­poldo (MG), fez essa mesma per­gunta a Chico Xa­vier. Se­gundo o mé­dium, “em todas as duas si­tu­a­ções, o Brasil cum­prirá o seu papel no grande pro­cesso de es­pi­ri­tu­a­li­zação pla­ne­tária. Na me­lhor das hi­pó­teses, nossa nação cres­cerá em im­por­tância so­ci­o­cul­tural, po­lí­tica e econô­mica pe­rante a co­mu­ni­dade das na­ções. Não só se­remos o ce­leiro ali­men­tício e de ma­té­rias-primas para o mundo, como também a grande fonte ener­gé­tica com o des­co­bri­mento de enormes re­servas pe­tro­lí­feras que farão da Pe­tro­bras uma das mai­ores em­presas do mundo.”

E pros­se­guiu Chico: “O Brasil cres­cerá a passos largos e ocu­pará im­por­tante papel no ce­nário global, isso terá como con­sequência a ele­vação da cul­tura bra­si­leira ao ce­nário in­ter­na­ci­onal e, a re­boque, os li­vros do Es­pi­ri­tismo Cristão, que aqui ti­veram solo fértil no seu de­sen­vol­vi­mento, atin­girão o in­te­resse das ou­tras na­ções também. Agora, caso ocorra a pior hi­pó­tese, com o He­mis­fério Norte do pla­neta tor­nando-se ina­bi­tável, grandes fluxos mi­gra­tó­rios se for­ma­riam então para o He­mis­fério Sul, onde se situa o Brasil, que então seria cha­mado mais di­re­ta­mente a de­sem­pe­nhar o seu papel de Pá­tria do Evan­gelho, exem­pli­fi­cando o amor e a re­núncia, o perdão e a com­pre­ensão es­pi­ri­tual pe­rante os povos mi­grantes.

A Nova Era da Terra, neste caso, de­mo­raria mais tempo para chegar com todo seu es­plendor de con­quistas ci­en­tí­ficas e mo­rais, porque seria ne­ces­sário mais um longo pe­ríodo de re­cons­trução de nossas na­ções e so­ci­e­dades, for­çadas a se re­or­ga­ni­zarem em seus fun­da­mentos mais bá­sicos.”

FE – Se­gundo Chico Xa­vier, esses fluxos mi­gra­tó­rios se­riam pa­cí­ficos?
Ge­ral­dinho – In­fe­liz­mente não. Se­gundo Chico me re­velou, o que res­tasse da ONU aca­baria por de­cidir a in­vasão das na­ções do He­mis­fério Sul, in­cluindo-se aí ob­vi­a­mente o Brasil e o res­tante da Amé­rica do Sul, a Aus­trália e o sul da África, a fim de que nossas na­ções fossem ocu­padas mi­li­tar­mente e di­vi­didas entre os so­bre­vi­ventes do ho­lo­causto no He­mis­fério Norte. Aí é que nós, bra­si­leiros, iríamos ser cha­mados a exem­pli­ficar a ver­da­deira fra­ter­ni­dade cristã, en­ten­dendo que nossos ir­mãos do Norte, em­bora in­va­sores a “mano mi­li­tare”, não dei­xa­riam de estar so­bre­car­re­gados e aflitos com as con­sequên­cias ne­fastas da guerra e das he­ca­tombes te­lú­ricas, e, por­tanto, ainda assim, de­vendo ser con­si­de­rados nossos ir­mãos do ca­minho, ne­ces­si­tados de apoio e ar­rimo, com­pre­ensão e amor.

Neste ponto da con­versa, Chico fez uma pausa na nar­ra­tiva e com­pletou: “Nosso Brasil como o co­nhe­cemos hoje será então des­fi­gu­rado e di­vi­dido em quatro na­ções dis­tintas. So­mente uma quarta parte de nosso ter­ri­tório per­ma­ne­cerá co­nosco e aos bra­si­leiros res­tarão apenas os Es­tados do Su­deste so­mados a Goiás e ao Dis­trito Fe­deral. Os nor­te­a­me­ri­canos, ca­na­denses e me­xi­canos ocu­parão os Es­tados da Re­gião Norte do País, em sin­tonia com a Colômbia e a Ve­ne­zuela. Os eu­ro­peus virão ocupar os Es­tados da Re­gião Sul do Brasil unindo-os ao Uru­guai, à Ar­gen­tina e ao Chile. Os asiá­ticos, no­ta­da­mente chi­neses, ja­po­neses e co­re­anos, virão ocupar o nosso Centro-Oeste, em co­nexão com o Pa­ra­guai, a Bo­lívia e o Peru. E, por fim, os Es­tados do Nor­deste bra­si­leiro serão ocu­pados pelos russos e povos es­lavos. Nós não po­demos nos es­quecer de que todo esse in­trin­cado pro­cesso tem a sua as­cen­dência es­pi­ri­tual e somos for­çados a re­co­nhecer que temos muito que aprender com os povos in­va­sores.

Ve­jamos, por exemplo: os norte-ame­ri­canos podem nos en­sinar o res­peito às leis, o amor ao di­reito, à ci­ência e ao tra­balho. Os eu­ro­peus, de uma forma geral, po­derão nos trazer o amor à fi­lo­sofia, à mú­sica eru­dita, à edu­cação, à his­tória e à cul­tura. Os asiá­ticos po­derão in­cor­porar à nossa gente suas mais altas no­ções de res­peito ao dever, à dis­ci­plina, à honra, aos an­ciãos e às tra­di­ções mi­le­nares. E, então, por fim, nós bra­si­leiros, ofer­ta­remos a eles, nossos ir­mãos na carne, os mais altos va­lores de es­pi­ri­tu­a­li­dade que, mercê de Deus, en­te­sou­ramos no co­ração fra­terno e amigo de nossa gente sim­ples e hu­milde, essa gente boa que re­en­carnou na grande nação bra­si­leira para dar cum­pri­mento aos de­síg­nios de Deus e de­mons­trar a todos os povos do pla­neta a fé na Vida Su­pe­rior, tes­te­mu­nhando a con­ti­nui­dade da vida além-tú­mulo e o exer­cício se­reno e nobre da me­diu­ni­dade com Jesus.”

FE – O Brasil, em­bora so­frendo o im­pacto moral dessa ocu­pação es­tran­geira, es­taria imune aos mo­vi­mentos te­lú­ricos da Terra?

Ge­ral­dinho – In­fe­liz­mente, não. Se­gundo Chico Xa­vier, o Brasil não terá pri­vi­lé­gios e so­frerá também os efeitos de ter­re­motos e tsu­namis, no­ta­da­mente nas zonas cos­teiras. Acon­tece que, de acordo com o mé­dium, o im­pacto por aqui será bem menor se com­pa­rado com o que so­bre­virá no He­mis­fério Norte do pla­neta.

FE – Por tudo que se de­pre­ende da fala de Chico Xa­vier, você também crê que a ida do homem à Lua, em julho de 1969, tenha pre­ci­pi­tado de certa forma a pre­o­cu­pação com as con­quistas ci­en­tí­ficas dos hu­manos, que po­de­riam co­locar em risco o equi­lí­brio do Sis­tema Solar?

Ge­ral­dinho – Sim, creio que a re­ve­lação de Chico Xa­vier a res­peito traz, nas en­tre­li­nhas, essa pre­o­cu­pação ce­leste quanto às pos­sí­veis in­ter­fe­rên­cias dos hu­manos ter­rá­queos nos des­tinos do equi­lí­brio pla­ne­tário em nosso Sis­tema Solar. Pelo que Chico Xa­vier falou, al­guns dos seres an­gé­licos de ou­tros orbes pla­ne­tá­rios não es­ta­riam dis­postos a nos dar mais este prazo de 50 anos, que ven­cerá daqui a apenas oito anos, te­me­rosos talvez de nossas ne­fastas e per­ni­ci­osas in­fluên­cias. Essa úl­tima hora bem que po­deria ser por nós con­si­de­rada como a úl­tima bênção mi­se­ri­cor­diosa de Jesus Cristo em nosso favor, uma vez que, pela ex­pli­cação de Chico Xa­vier, foi ele, Nosso Se­nhor, quem ad­vogou em favor de nossa causa, ainda uma vez mais.

FE – A reu­nião da co­mu­ni­dade ce­leste teria de­ci­dido algo mais, se­gundo a ex­po­sição de Chico Xa­vier?

Ge­ral­dinho – Sim. Outra de­cisão dos ben­fei­tores es­pi­ri­tuais da Vida Maior foi a que de­ter­minou que, após o al­vo­recer do ano 2000 da Era Cristã, os es­pí­ritos em­pe­der­nidos no mal e na ig­no­rância não mais re­ce­be­riam a per­missão para re­en­carnar na face da Terra. Re­en­carnar aqui, a partir dessa data, equi­va­leria a um va­lioso prêmio justo, des­ti­nado apenas aos es­pí­ritos mais fortes e pre­pa­rados, que sou­beram ame­a­lhar, no trans­curso de múl­ti­plas re­en­car­na­ções, con­quistas es­pi­ri­tuais re­le­vantes como a man­sidão, a bran­dura, o amor à paz e à con­córdia fra­ternal entre povos e na­ções. In­sere-se dentro dessa pro­gra­mação de ordem su­pe­rior a pró­pria re­en­car­nação do mentor es­pi­ri­tual de Chico Xa­vier, o es­pí­rito Em­ma­nuel, que, de fato, veio a re­nascer, se­gundo Chico in­formou a va­ri­ados amigos mais pró­ximos, exa­ta­mente no ano 2000. Cer­ta­mente, Em­ma­nuel, re­en­car­nado aqui no co­ração do Brasil, ha­verá de de­sem­pe­nhar sig­ni­fi­ca­tivo papel na evo­lução es­pi­ri­tual de nosso orbe.

Todos os de­mais es­pí­ritos, re­cal­ci­trantes no mal, se­riam então, a partir de 2000, en­ca­mi­nhados for­ço­sa­mente à re­en­car­nação em mundos mais atra­sados, de ex­pi­a­ções e de provas as­pér­rimas, ou mesmo em mundos pri­mi­tivos, vi­ven­ci­ando ainda o es­tágio do homem das ca­vernas, para po­derem purgar os seus des­mandos e a sua in­sub­missão aos de­síg­nios su­pe­ri­ores. Chico Xa­vier tinha co­nhe­ci­mento desses mundos para onde os es­pí­ritos re­ni­tentes es­ta­riam sendo de­gre­dados. Se­gundo ele, o maior desses pla­netas se cha­maria Kírom ou Quírom.
FE – Pra­ti­ca­mente só nos restam oito anos pela frente. Em­ma­nuel fala na en­tre­vista da dé­cada de 1950, já pu­bli­cada nestas pá­ginas, que é ur­gente a trans­for­mação moral da hu­ma­ni­dade. Qual deve ser a nossa con­duta frente a re­ve­la­ções tão as­sus­ta­doras e ao con­selho do mentor?

Ge­ral­dinho – Então, ca­rís­sima Mar­lene, a úl­tima hora está de fato aí de­mons­trada. Basta termos “olhos de ver e ou­vidos de ouvir”, se­gundo a as­ser­tiva de Jesus. É a nossa úl­tima chance, é a úl­tima hora… Não há mais tempo para o ma­te­ri­a­lismo. Não há mais tempo para ilu­sões ou en­ganos ime­di­a­tistas. Ou se­gui­remos com a Luz que efe­ti­va­mente bus­carmos, ou nos afun­da­remos nas som­bras de nossa pró­pria ig­no­rância. Que será de nós? A res­posta está em nosso livre-ar­bí­trio, in­di­vi­dual e co­le­tivo. É a nossa es­colha de hoje que vai gerar o nosso des­tino. Po­de­remos optar pelo me­lhor ca­minho, o da fra­ter­ni­dade, da sa­be­doria e do amor, e a re­ge­ne­ração che­gará para nós de forma bri­lhante a partir de 2019; ou po­de­remos sim­ples­mente es­co­lher o ca­minho do so­fri­mento e da dor e, neste caso in­feliz, te­remos um longo pe­ríodo de re­cons­trução que po­derá durar mais de mil anos, se­gundo Chico Xa­vier. En­tre­tanto, se­jamos oti­mistas. Lem­bremo-nos que deste pe­ríodo de 50 anos já se pas­saram 42 anos em que as na­ções mais de­sen­vol­vidas e res­pon­sá­veis do pla­neta con­se­guiram se su­portar umas às ou­tras sem se lan­çarem a uma guerra de ex­ter­mínio nu­clear. Essa era a pré-con­dição im­posta por Jesus. Até aqui se­guimos bem, em­bora entre trancos e bar­rancos. Faltam-nos hoje apenas o per­curso da úl­tima milha, os úl­timos oito anos deste pe­ríodo de ex­ceção e mi­se­ri­córdia do Al­tís­simo. Oxalá pros­si­gamos na me­lhor com­pa­nhia!

Como po­de­remos fa­cil­mente con­cluir, tudo de­pen­derá, em úl­tima aná­lise, de nossas pró­prias es­co­lhas, en­quanto en­ti­dades in­di­vi­duais ou co­le­tivas, para nosso pro­gresso e as­censão es­pi­ri­tual. É o “A cada um será dado se­gundo as suas pró­prias obras!” que o Cristo nos en­sinou.

Não es­tamos en­tre­gues à fa­ta­li­dade nem pre­de­ter­mi­nados ao so­fri­mento. Es­tamos di­ante de uma en­cru­zi­lhada do des­tino co­le­tivo que nos une à nossa casa pla­ne­tária, aqui na Terra. Temos di­ante de nós dois ca­mi­nhos a se­guir. O ca­minho do amor e da sa­be­doria nos le­vará a mais rá­pida as­censão es­pi­ri­tual co­le­tiva. O ca­minho do ódio e da ig­no­rância acar­retar-nos-á mais amplo dis­pêndio de sé­culos na re­cons­trução ma­te­rial e es­pi­ri­tual de nossas co­le­ti­vi­dades. Tudo virá de acordo com nossas es­co­lhas de agora, in­di­vi­duais e co­le­tivas. Oremos muito para que os Ben­fei­tores da Vida Maior con­ti­nuem a nos ajudar e in­cen­tivar a se­guir pelo Ca­minho da Ver­dade e da Vida. O pró­prio es­pí­rito Em­ma­nuel, através de Chico Xa­vier, res­pon­dendo a uma en­tre­vista já pu­bli­cada em livro nos diz que as pro­fe­cias são re­ve­ladas aos ho­mens para não serem cum­pridas. São na re­a­li­dade um grande aviso es­pi­ri­tual para que nos me­lho­remos e afas­temos de nós a hi­pó­tese do pior ca­minho.

Com­par­tilho com os lei­tores da Folha Es­pí­rita men­sagem de nosso ben­feitor es­pi­ri­tual The­ophorus, psi­co­gra­fada por nosso in­ter­médio, na noite de 14 de agosto de 2006 em reu­nião pú­blica no Centro Es­pí­rita Luz, Amor e Ca­ri­dade, de Belo Ho­ri­zonte (MG). Com o tí­tulo A Terra da Pro­missão, seu con­teúdo versa exa­ta­mente sobre o tema desta en­tre­vista.

A Terra da Promissão

A mensagem abaixo foi psicografada em reunião pública no Centro Espírita Luz, Amor e Caridade, na noite de 14 de agosto de 2006, por Geraldo Lemos Neto

Ir­mãos,
Na aber­tura do Ca­pí­tulo IX de O Evan­gelho Se­gundo o Es­pi­ri­tismo, Allan Kardec, com muita pro­pri­e­dade, es­co­lheu a frase ines­que­cível de Nosso Se­nhor Jesus Cristo:

“Bem-aven­tu­rados os mansos, porque eles her­darão a terra!” (Ma­teus, 5: 5)
Por muitos sé­culos, a frase au­gusta do di­vino Mestre restou não com­pre­en­dida pela co­le­ti­vi­dade cristã na face ter­restre. Afinal, que terra pro­me­tida é essa a que se re­fere o Cristo, re­ser­vando-a aos brandos de co­ração e aos hu­mildes do es­pí­rito?

Não obs­tante o as­pecto pro­fundo, muitas vezes atri­buindo às pa­la­vras ilu­mi­nadas de Jesus de Na­zaré o sen­tido fi­gu­rado, em que muitos es­tu­di­osos da letra cristã con­si­de­raram essa terra sob o sig­ni­fi­cado es­pi­ri­tual da terra sim­bó­lica da paz rei­nante nos co­ra­ções dos justos, for­çoso é re­co­nhe­cermos que o real al­cance da pro­messa do Cristo a esse res­peito vai mais longe. Os mundos, es­tân­cias de tra­balho e aper­fei­ço­a­mento que en­xa­meiam a col­meia uni­versal da Cri­ação di­vina, também pro­gridem es­pi­ri­tu­al­mente, gal­gando novos postos de ser­viço como edu­can­dá­rios va­li­osos dos es­pí­ritos de suas hu­ma­ni­dades cor­re­latas, em con­tínuo pro­cesso de as­censão. À me­dida que avançam as no­ções su­pe­ri­ores do es­pí­rito en­car­nado, le­van­tando o pró­prio olhar para as re­a­li­dades da vida im­pe­re­cível, soa o clarim de uma nova era para as co­le­ti­vi­dades hu­manas se­dentas de paz e de pro­gresso.

É che­gado o mo­mento de novo de­grau evo­lu­tivo para a casa pla­ne­tária a que cha­mamos Terra. O prazo de 20 sé­culos da men­sagem es­pi­ri­tual do Mestre ines­que­cível, desde sua pas­sagem re­no­va­dora às mar­gens do mar da Ga­li­leia, che­gará no pró­ximo ano de 2030. Desde o ad­vento do novo sé­culo XXI, por de­ter­mi­nação su­pe­rior, apenas têm acesso à porta da re­en­car­nação os es­pí­ritos que atin­giram em suas con­quistas es­pi­ri­tuais a man­sidão, a bran­dura e a hu­mil­dade. Aqueles que não sou­beram ad­quirir esses pa­trimô­nios mo­rais na con­ta­bi­li­dade de seus cré­ditos pes­soais, no trans­curso de suas su­ces­sivas re­en­car­na­ções em 20 sé­culos de vida cristã na face da Terra, serão, como já estão sendo, con­du­zidos a mundos de ex­pi­ação e provas que se lhes afinem com as ten­dên­cias in­fe­ri­ores e in­fe­lizes.

Os bons alunos, que se têm es­for­çado por domar as suas más ten­dên­cias, re­a­jus­tando-se-lhes os co­ra­ções em sin­tonia com o amor uni­versal e a sa­be­doria de todos os tempos, são estes que o di­vino Mestre ape­lida de brandos e hu­mildes, mansos e pa­cí­ficos, que hão de herdar a nova Terra. Muitos deles já estão entre vós, apre­sen­tando-se com a in­fância na­tural de seus pri­meiros anos de cri­anças ter­res­tres.

À me­dida que forem che­gando à ju­ven­tude e à ma­du­reza, con­tudo, as­su­mirão cada vez mais o re­le­vante papel para o qual foram cha­mados na so­ci­e­dade ter­restre, o que im­pri­mirá vi­go­rosa trans­for­mação no am­bi­ente con­tur­bado que ainda vos en­volve o co­ti­diano.

Apro­xima-se a fase final desta tran­sição que ha­verá de elevar a Terra à con­dição de “mundo re­ge­ne­rado” para a qual se des­tina. Este pe­ríodo final será jus­ta­mente aquele entre o cen­té­simo ani­ver­sário do nas­ci­mento do após­tolo con­so­lador Chico Xa­vier, a co­me­morar-se no pró­ximo ano de 2010, em 2 de abril, e o ani­ver­sário do bi­cen­te­nário do ad­vento do Con­so­lador pro­me­tido pelo Cristo, a co­me­morar-se no fu­turo ano de 2057, mais pre­ci­sa­mente no dia 18 de abril.
Até lá ainda ex­pe­ri­men­ta­reis os es­ter­tores da vida som­bria dos sen­ti­mentos in­fe­ri­ores que ainda vos cir­cundam a exis­tência, fa­dada, in­va­ri­a­vel­mente, a ser var­rida da nova Terra pela pre­sença da Luz. Es­te­jamos, pois, con­fi­antes que Jesus, nosso di­vino Mestre, está no leme de nossa em­bar­cação pla­ne­tária, con­du­zindo-a ao porto se­guro da paz e da es­pe­rança, da ale­gria e do amor, que ha­verá de nos ir­manar, uns aos ou­tros, como ge­nuínos her­deiros dessa nova hu­ma­ni­dade.

Ir­mãos, amigos que­ridos e com­pa­nheiros de jor­nada, fa­çamos, pois, nossa parte para me­recê-la!

The­ophorus

“Tudo de­pen­derá, em úl­tima aná­lise, de nossas pró­prias es­co­lhas, en­quanto en­ti­dades in­di­vi­duais ou co­le­tivas, para nosso pro­gresso e as­censão es­pi­ri­tual. É o ‘A cada um será dado se­gundo as suas pró­prias obras!’ que o Cristo nos en­sinou”

 

Link

dezembro 14th, 2014

Causas Emocionais das Doenças

causasemocionaisdoencas

 

Nos dias que decorrem ainda é um pouco estranho, para muitas pessoas, aceitar que as doenças e as emoções podem de alguma forma estar ligadas. Aceitar que uma doença possa ser causada por distúrbios emocionais faz cada vez mais sentido e tem-se verificado que a mudança desses padrões emocionais, atenuam a doença e podem mesmo abolir a doença se esses padrões emocionais desequilibrados deixarem de existir. Óbvio que à degenerações podem depois ter difícil retrocesso, no entanto são conhecidos casos de sucesso.

Quando a boca cala…. o corpo fala!! AMAR pode CURAR
O resfriado escorre quando o corpo não chora.
A dor de garganta entope quando não é possível comunicar as aflições.
O estômago arde quando as raivas não conseguem sair.
O diabetes invade quando a solidão dói.
O corpo engorda quando a insatisfação aperta.
A dor de cabeça deprime quando as duvidas aumentam.
O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.
A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável.
As unhas quebram quando as defesas ficam ameaçadas.
O peito aperta quando o orgulho escraviza.
A pressão sobe quando o medo aprisiona.
As neuroses paralisam quando a criança interna tiraniza.
A febre esquenta quando as defesas detonam as fronteiras da imunidade.

As Doenças, as emoções e a genética
É muito comum ouvirmos falar em doenças herdadas geneticamente, o certo é que quando estamos no ventre materno estamos já expostos aos padrões emocionais vividos no ambiente familiar. Estes padrões emocionais vão ser parte integrante também da educação da criança e mais tarde manifestar-se fisicamente se não forem transformados em potencialidades e sabedoria.

Padrões emocionais e crenças negativas – causam doenças
As mudanças de padrões emocionais passam pela mudança das crenças e padrões de pensamento que alimentamos desde que existimos. Através da mudança de pensamentos é possível curar doenças e as emoções.

Mostramos a seguir algumas doenças e os padrões e crenças negativas que os sustentam e as respectivas afirmações positivas que devemos dizer para mudar os padrões e crenças e assim libertar-nos das doenças e emoções negativas (Poder das afirmações positivas)

Acidentes – Rebelião contra autoridade. Crença em violência, raiva.
Afirmação positiva – Paz e segurança. Eu amo e aceito tudo na vida como uma fonte de sabedoria.
Acne – Não se aceitar; desamor de si.
Afirmação positiva – Eu amo-me e aceito-me tal como sou. Eu sou maravilhoso e amado por todos (causas emocionais das doenças)
Adenóides – Atritos familiares, discussões. Criança se sente mal querida.
Afirmação positiva – A criança é querida e bem-vinda.
Alcoolismo – Sentimentos de futilidade, inadequação, culpa e auto-rejeição.
Afirmação positiva – Eu relaxo e liberto o passado. Eu tenho valor, amo-me e aceito-me tal como sou agora.
Alergias – A quem você é alérgico? Falso ego e sensibilidade.
Afirmações positivas – Eu estou em Paz. O mundo é seguro e amigo.
Amigdalite – Emoções reprimidas e medo; raiva reprimida.
Afirmação positiva – Nada impede o bom em mim. Eu permito a liberdade de expressão, das idéias divinas, que fluem e ganham significado em mim.
Anemia – Falta de prazer; desinteresse da vida (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Meu mundo é cheio de alegria e estou interessado em tudo.
Apendicite – Medo da vida; bloqueio do fluxo das sensações.
Afirmação positiva – Alegria; eu relaxo e deixo minhas sensações fluírem.
Arteriosclerose – Resistência; tensão; abertura mental estreita.
Eu estou completamente aberto para a vida e a alegria. A vida é boa.
Artrite – Amargura, ressentimento, crítica, sentimentos de desamor.
Afirmação positiva – Amor e perdão. Eu deixo os outros serem eles mesmo. Eu sou livre.
Asma – Super sensibilidade; amor sufocado; supressão do choro, sentimentos sufocados.
Afirmação positiva – Eu sou livre. Eu me encarrego da minha própria vida. Eu posso expressar meus sentimentos como eles são.
Ataques, golpes, congestão – Rejeição da vida; auto-violência, resistência extrema (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Eu aceito a vida passada, presente e futura. Vida e alegria.
Bexiga (problemas) – Ansiedade; resistência contra novas idéias.
Afirmação positiva – Eu abandono o passado, despreocupo me do futuro. Eu aceito o que é novo, agora.

Boca (problemas) – Incapacidade de engolir idéias; fixação de opiniões e mente fechada.
Afirmação positiva – Eu dou boas-vindas a idéias e conceitos novos.

Bronquite – Ambiente familiar inflamado.
Afirmação positiva – Paz. Ninguém consegue irritar-me.
Bursite – Raiva reprimida, vontade de bater em alguém.
Afirmação positiva – Eu relaxo a raiva de maneira que ela não cause mal. O amor relaxa.
Câimbras – Tensão; segurar-se; oprimir-se.
Afirmação positiva – Eu relaxo e deixo a vida fluir.
Cancro – Profundos segredos ou aflições corroendo o Eu; retenção longa dos ressentimentos;ferimentos profundos.

Afirmação positiva – Não existem segredos. Eu deixo que o passado se vá. Meu presente é preenchido com alegria.
Catarata – Futuro pouco claro; inabilidade de ver a frente (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Eu sou livre. A vida é eterna e cheia de alegria.
Ciática – Medo do dinheiro e do futuro.
Afirmação positiva – Eu me movimento no melhor de tudo. Meu bem está em todo lugar e eu estou seguro.
Coceira – Desejos insatisfeitos, remorso; punição e culpa.
Afirmação positiva – Tudo que eu precisar estará sempre aqui. Eu aceito tudo de bom sem sentimentos culposos.
Colesterol – Entupimento dos canais do prazer; medo de aceitar o prazer.
Afirmação positiva – O prazer é normal. Meus canais estão largamente abertos. Eu amo a vida.
Colite – Pais super-excitados; opressão, menosprezo; necessidade de afeto.
Afirmação positiva – Eu sou livre-pensador. Eu estou em paz na minha mente.
Contensão, (machucaduras, esgotamento) – Pequenos impactos da vida.
Afirmação positiva – Não existe razão para eu bater na vida. Eu estou ajo com amor.
Coração – Problemas emocionais sérios longamente suportados; falta do prazer, rejeição da vida. Crença nas pressões e no esforço.

Afirmação positiva – Alegria, alegria, alegria, amor e paz. Eu prazerosamente aceito tudo na vida.
Corcunda – Raiva atrás de você, ressentimento conservado (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Eu vejo o passado com alegria. Ninguém jamais me fez mal.
Crescimento – Nutrir ferimentos emocionais, falso senso de valores e orgulho.
Afirmação positiva – Perdão. Eu amo a mim mesmo. Não irei fazer-me mal.
Dedos – Super exagerar os detalhes da vida (unhas- super analisar).

Afirmação positiva – Eu relaxo conscientemente de que a sabedoria da vida cuida dos detalhes.
“Defeitos” de nascença – Necessidade de reencarnação; você pediu para vir assim.
Não se sinta culpado. Você e seus pais, têm algo a aprender.
Dentes – Sustentar longas indecisões; incapacidade de derrubar idéias por análise ou decisão.
Afirmação positiva – Eu faço minhas decisões baseado nos princípios da verdade e fico seguro com o resultado.

Deslocamento de disco
Indecisão; não se sentir emocionalmente amparado pelos outros (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Eu sou corajoso e independente. Eu sou amparado pela vida.
Desmaios – Medo; não poder conviver ou enfrentar; apagar-se de tudo.
Afirmação positiva – Eu tenho poder, força e conhecimento para lidar com tudo na vida.
Diabetes – Profundo sentimento de mágoa; falta de açúcar na vida.
Afirmação positiva – Eu permito que a vida seja gostosa. Eu deixo o passado ser apenas passado.
Eu aceito que o prazer e a alegria sejam as bases da minha vida.
Doenças venéreas – Culpa sexual; crença de que os órgãos genitais são pecaminosos e sujos;
necessidade de punição.
Afirmação positiva – Eu amorosa e prazerosamente aceito minha sexualidade e sua expressão.
Não há culpa sem punição.

Dor – Congestão, bloqueio; crença em barreiras; punição, culpa.
Afirmação positiva – Eu descanso minha necessidade de punição. Eu deixo a vida fluir.
Dor de Cabeça – Tensão, revolta, contrariedades emocionais. Sentimentos feridos.
Afirmação positiva – Paz, amor, alegria, relaxamento. No meu mundo tudo está bem.
Dor de ouvidos – Causa emocional da doença – Raiva; não querer ouvir (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Eu ouço com amor e prazer. Sempre escuto o bom de tudo.

Edema – Super sensibilidade, individualidade machucada. Personalidade ferida.
Afirmação positiva – Eu sou seguro, ninguém ameaça minha individualidade.
Enjoar no carro – Medo-dependência, sentimento de ser pego em armadilhas.
Eu ando facilmente no tempo e espaço. Não existe o medo.

Enjoar no mar – Medo; medo da morte.
Afirmação positiva – A vida continua. Não existe a morte. Somente mudanças.
Enlouquecer – Reter amor e consideração (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Eu respondo à vida, reparto meus sentimentos e meu amor. Eu sinto… eu amo…

Envelhecer – Crença social; velhos pensamentos.
Afirmação positiva – Eu me amo e me aceito em todas as idades; cada idade é perfeita. Eu sou espírito. Eu sou eterno.
Enxaqueca – Resistência ao fluir da vida; medos sexuais. Desperdícios emocionais.
Afirmação positiva – Eu descanso no fluxo da vida. Deixo-a fluir através de mim.

Epilepsia – Rejeição da vida; sensação de perseguição; violência contra si.
Afirmação positiva – Eu amo a mim mesmo e a toda a vida. A vida é uma eterna alegria.

Esclerose múltipla – Dureza mental, coração endurecido, vontade de forra; inflexibilidade.
Afirmação positiva – Eu não tento me controlar. Eu me solto com alegria na vida.
Espinhas – Crença na feiúra, culpa, ódio de si (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Eu não propago pensamentos feios. Eu amo todo o meu corpo. Não há culpa.

Estomago (problemas) – Incapacidade de assimilar idéias. Medo de novas idéias.
Afirmação positiva – Eu assimilo novas idéias facilmente. A vida concorda comigo.
Excesso de peso – Insegurança; auto-rejeição; procura de amor. Medo de perda, sufocar sentimentos.
Afirmação positiva – Eu aceito-me e me amo-me tal como eu sou. Eu sou sempre seguro no caminho espiritual.
Face (doenças) – Representa individualidade, reconhecimento (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Reconheço meus verdadeiros valores. Minha individualidade.
Fadiga – Resistência, aborrecimento; falta de amor pelo que faz.
Afirmação positiva – Estou entusiasmado com a vida. Cheio de Energia.
Febre – Queimar-se com alguém ou algo; raiva.
Afirmação positiva – Eu sou calmo, exprimo amor e paz.
Febre do Feno – Congestão emocional; confusão nas crenças; medo do moralismo.
Afirmação positiva – Eu nego qualquer moralismo. Eu sou uno em tudo na vida.

Gagueira – Insegurança; falta de auto-expressão (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Eu permito-me falar por mim e comunico-me com amor.
Garganta – Repressão de raiva; ferimentos emocionais engolidos.
Afirmação positiva – Eu expresso-me com alegria e ninguém me pode magoar.
Gastrite (gases) – Reter idéias indigestas; sufocar o ar por medo.
Afirmação positiva – Eu deixo a vida fluir através de (gases) mim.
Gengivas (problemas) – Inabilidade de levar avante as decisões uma vez que elas sejam tomadas.
Afirmação positiva – Eu sou uma pessoa decidida. Eu deixo-me ir pela vida.

Glândulas (problemas) – Desequilíbrio; falta de ordem; distribuição insuficiente.
Afirmação positiva – Eu estou em equilíbrio total. Meus sistemas estão em ordem.

Glaucoma – Pressão emocional por sustentar por longo tempo sentimentos feridos.
Afirmação positiva – Ninguém pode jamais me ferir. Eu vejo com amor e ternura.
Gota – Impaciência, raiva, dominação.
Afirmação positiva – Eu deixo o ego e sentimentos de superioridade irem-se. Deixo .
os outros serem o que são.

Gripe – Respostas a negatividade e crença geral; medo, crença em estatísticas.
Afirmações positivas -Eu não sou governado pelas crenças de grupos ou preconceitos.
Eu sou livre de todas influências.
Hemorroidas – Carga, pressão, tensão, medo de deixar acontecer.
Afirmação positiva – Eu descanso todo o peso e as cargas. Eu vivo na alegria do presente.

Hepatite – Medo, raiva, ser odiado. O fígado é o local da raiva e emoções primitivas.
Afirmação positiva – Eu deixo ir agora tudo que não preciso mais, minha consciência esta limpa, cheia de vida.
Hérnia – Carga, resistência mental, autopunição; raiva; expressões criativas incorretas.
Afirmação positiva – Minha vida é calma e harmoniosa. Eu me amo com ternura.

Herpes – Prolongada suspensão nervosa (causas emocionais das doenças)
Afirmação positiva – Descanso agora tranquilamente de todos os meus pensamentos e de todas atividades que exercem pressão sobre mim.A paz está em mim.

Hipoglicemia – Desequilíbrio no sistema.
Afirmação positiva – A aceitação do prazer equilibra o meu sistema.
Impotência – Pressão sexual, tensão, culpa; crenças sociais; rancor contra um antigo parceiro.
Afirmação positiva – Eu permito que todo poder dos meus princípios sexuais opere com facilidade e prazer.
Inchaços (verrugas) – Auto-rejeição, medo, falta de amor.

Afirmação positiva – Eu só adiciono amor em mim. Nada terá mais poder em mim.
Indigestão – Medo, ansiedade, pavor.
Afirmação positiva – Eu recebo o novo e assimilo.
Infecções – Irritação, raiva, chateação.
Afirmação positiva – Nada tem o poder de irritar-me. Eu sou pacífico e harmonioso.
Insanidade – Escapismo, recolhimento; violenta separação da vida.
Ressentimentos familiares.
Afirmação positiva – Minha mente sabe sua verdadeira identidade e eu sou um ponto criativo da expressão divina.
Insónia – Tensão, culpa, medo.
Afirmação positiva – Eu descanso do dia e mergulho num sono perfeito, pacífico.
Laringite – Medo de verbalizar opiniões; raiva. Ressentimento da autoridade.
Afirmação positiva – Eu posso falar por mim. Eu me expresso livremente.
Mãos – A habilidade de segurar e deixar as idéias escaparem; medo de novas idéias
Afirmação positiva – Eu lido com todas as idéias com amor e facilidade.

Mau hálito – Atitudes podres, pensamentos estúpidos.
Afirmação positiva – Eu falo com amor. Eu expiro o que é bom.
Menopausa (problemas) – Medo de não ser mais querido, auto-rejeição. Modo de envelhecimento.
Afirmação positiva – Eu sou equilibrado em todos os ciclos da mudança, abençôo meu corpo com amor.

Nervos e nervosismo – Comunicação, luta, pressa; medo, ansiedade. Pensamentos confusos.
Afirmações positivas – Eu estou na interminável jornada pela eternidade. Que a paz.
esteja conosco. Não existe nenhum lugar para o qual devamos nos apressar.

Olhos (problemas) – Não gostar do que vê em sua vida. Medo do futuro; não ver a verdade.
Afirmações positivas – Eu vejo com olhos amorosos, eu vejo, a verdade, eu vejo claramente.

Ombros – Suportar carga, excesso de carga.
Afirmação positiva – A vida é alegria e liberdade; tudo o que aceito é bom.
Ossos (problemas) – Revolta contra a autoridade (os ossos são a estrutura do universo).
Afirmação positiva – Eu estou em paz com a autoridade. Em meu mundo, sou minha própria autoridade.

Paralisia – Medo, escapismo, resistência, choque.

Afirmação positiva – Eu sou uno com a vida. Eu bendigo minhas experiências.
Pele (problemas) – Sentir-se ameaçado na individualidade; falta de segurança, impaciência; assadura; maneira de ganhar atenção.
Afirmações positivas – Eu aceito minha individualidade. Eu sou emocionalmente seguro.
Eu ganho atenção de maneira positiva.
Pernas (problemas) – Medo do futuro (as pernas carregam você para frente).
Afirmação positiva – Eu me movo com confiança e alegria.
Pés (problemas) – Medo do futuro
Afirmações positivas – Eu paro na verdade. Vou adiante com prazer. Tenho compreensão espiritual.

Pescoço (problemas) – Inflexibilidade, recusa em ver outros lados da questão; teimosia.
Afirmação positiva – Eu sou flexível. Aceito outros pontos de vista.
Pneumonia – Desespero; cansaço da vida, preocupações emocionais; distúrbios internos.
Afirmação positiva – Eu recebo livremente idéias divinas, impregnadas com o hálito da vida.

Pressão sanguínea
ALTA: manter por longo tempo problemas insolúveis; BAIXA: depressão, mágoa, derrotismo, raiva.
ALTA: eu sou alegria e deixo o passado dissolver-se. BAIXA: eu vivo com mais alegria agora; a vida é alegria.
Prisão de ventre (intestinos) – Recusa de relaxar sobre velhas idéias; mesquinhez.
Afirmação positiva – Eu relaxo o passado, generosamente permito que a vida flua através de mim.

Próstata (problemas) – Desistência, derrotismo sensualidade excessiva com sentimento de culpa; crença na velhice
Afirmação positiva – Eu aceito minha masculinidade; eu sou eternamente poderoso. Sexo é prazer.

Psoríase (pele) – Insegurança emocional.
Afirmação positiva – Eu sou pacífico e seguro. Eu estou em paz com tudo na vida.
Pulmões – Medo de receber e dar-se à vida.
Afirmação positiva – A respiração flui através de mim.
Quadris (problemas) – Medo de ir avante em decisões importantes.

Afirmação positiva – Sigo com alegria, amparado e sustentado pelo poder da vida.
Queimaduras – Raiva; queimar-se com os outros.
Afirmação positiva – As pessoas não tem poder contra mim. Eu tenho paz no meu ambiente.
Quisto – Crescimento falso; fomentação de choques e machucados emocionais.
Afirmação positiva – Eu dissolvo velhas raivas. Nada pode ferir-me.
Raquitismo – Desequilíbrio emocional; falta de amor e segurança.
Afirmação positiva – Eu sou seguro e nutrido pelo amor do Universo.
Resfriados – Confusão, desordem, pequenos machucados; família e crenças estereotipadas.
Afirmação positiva – Eu sou livre-pensador; estou em paz com minha mente.

Retenção (líquidos) – O que é que você tem medo de perder?
Afirmação positiva – Eu descanso com alegria, e espontaneidade.
Reumatismo – Falta de amor; ressentimento; amargura crônica; vingança.
Afirmação positiva – Eu tenho compaixão com os outros e comigo. Eu aceito sentimentos prazerosamente.

Rins (problemas) – Crítica, sensibilidade, desapontamento.
Afirmações positivas -Eu vejo somente o bom em tudo. Ações corretas sendo tomadas. Eu estou realizado.

Roer unhas – Separação dos pais, pedaço de si que se recalca.
Afirmação positiva – Eu sou indivíduo criativo. Aceito, sou seguro em minha maturidade.
Sangue (problemas) – Falta de alegria; faltas de circulação das idéias; pensamentos estagnados.
Afirmação positiva – Alegria. Com alegria as novas idéias circulam livremente.
Sinusite – Presença de pessoas que o irritam.
Afirmação positiva – Ninguém tem o poder de me irritar a menos que eu permita. Paz e harmonia.

Surdez – O que você não quer escutar? Rejeição, teimosia, isolamento.
Afirmação positiva – Eu escuto Deus. Eu escuto o prazer e a vida, sou parte dela.
Tórax (Quisto) – Super dimensão de atitudes e propósitos na vida. Super proteção.
Afirmação positiva – Eu sou livre e permito liberdade a todos.
Tosse – Nervosismo, amolação, crítica.

Afirmação positiva – Eu expresso-me pacificamente e falo com amor.
Tuberculose – Egoísmo; possessão; crueldade.
Afirmação positiva – Eu não me sufoco na vida. Meus pensamentos desenvolvem ótimas idéias. Todos momentos da vida são cheios de sentido.
Tumor – Crescimento falso; ferimentos e choques emocionais.
Afirmação positiva – Descanso e perdão. O amor dissolve ferimentos.
Tumor no cérebro – Crenças incorretas computadas; teimosia; recusa em mudar os velhos padrões.
Afirmação positiva – Tudo na vida é mudança. Meus padrões são sempre novos.
Úlceras – Algo se corrói em você; ansiedade, medo, tensão. Crença em pressões.
Afirmação positiva – Nada pode irritar-me; sou pacífico, calmo e feliz.
Urinar na cama – Medo dos pais (normalmente do pai).
Amor, compreensão e compaixão.
Urticária – Pequenos medos escondidos; exagero de pequenos problemas.
Afirmação positiva – Eu estou em paz com as pequenas coisas da vida.
Vaginite – Culpa sexual; sentimento de perda de alguém ou algo amado.
Afirmação positiva – As formas e as vias podem mudar. O amor nunca se perde. Todas as partes do meu corpo são bonitas.

Varizes – Negatividade, resistência; remoer emoções; sustentar um trabalho que você odeia;
circulação entravada, atulhada de idéias; desencorajamento.
Afirmação positiva – Eu me movimento e vivo com prazer. Eu amo a vida e circulo livremente.
Vesícula (pedras na) – Amargura; pensamentos dolorosos que você não encontra meios de evitar.
Afirmação positiva – Jubilosamente deixo o passado ir-se. A vida é boa. Eu sou bom.

Cada vez há mais abertura a acreditar que por trás de uma doença ou de um acidente existe sempre um pensamento ou crença negativa alimentada pela pessoa. Todos nós criamos uma realidade no nosso mundo mental, que se materializa em nosso corpo ou realidade numa realidade concreta concreta. As doenças e as emoções fazem parte dessa manifestação concreta materializada por pensamentos, crenças e padrões de comportamento que podem ser alterados por uma auto-responsabilização diária sobre a forma como vemos e sentimos a vida e a forma como a vivemos. Para ver outras afirmações ir a Afirmações positivas para a auto-estima.

Fonte.: http://tratamentodadepressao.org/1215-doencas-emocoes-causas-emocionais-doencas/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...